Indisciplina

“Nascida da influência da obra de Raths, Harmin e Simon, “Values and Teaching”, a corrente de clarificação de valores traz uma contribuição original para a compreensão dos problemas disciplinares. Considerando que a vida pessoal tira o seu sentido dos valores livremente assumidos, é função da escola ajudar os alunos a escolherem os seus valores e a agirem de acordo com eles. (….) Na escola, a falta ou a indefinição de valores está na origem de situações conflituais que levam à indisciplina. (…)
(…) Uma série de actividades individuais ou grupais, envolvendo situações reais e simuladas como a resolução de dilemas, definição de objectivos de vida a curto e médio prazo, jogo de papéis, identificação com heróis da vida real ou do cinema e literatura, permitirão ao aluno uma progressiva tomada de consciência dos seus valores pessoais (…).
(…) Deixar o aluno sofrer as consequências dos seus actos é uma maneira de o levar a reflectir mais sobre as suas decisões. (…)
In, Estrela, Maria Teresa, Relação Pedagógica, Disciplina e Indisciplina na Aula, Porto, Porto Editora, Lda, 4ª ed.,2002.

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste dispositivo