A correcção de comportamentos de indisciplina na aula – O modelo de Gordon

“O modelo de Gordon* pretende fomentar uma boa relação entre professores e alunos, isto é, uma relação aberta e transparente, assente na preocupação pelo outro (caring), na interdependência e na satisfação de necessidades mútuas, mas também na demarcação que permite ao outro crescer na sua individualidade, isto é, na autodirecção, auto-responsabilidade, autocontrolo, autodeterminação, auto-avaliação. Essa relação implica sobretudo comunicação e novas competências para o professor, as quais se exprimem num novo vocabulário: colaboração, cooperação, negociação, confronto, resolução de problemas, resolução de conflitos, melhoria dos contactos interpessoais.”
*Gordon, Thomas (1974). TET – Teacher Effectiveness Training. New York: Peter Wyden
In, Estrela, Maria Teresa, Relação Pedagógica, Disciplina e Indisciplina na Aula, Porto, Porto Editora, Lda, 4ª ed.,2002.

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste dispositivo